Psyllium 500mg 60cps

Psyllium 500mg 60cps

Marca: Ciência e Natureza


Por:
R$ 29,90

ou 12x de R$ 3,09 com juros Cartão Aura - Yapay
 
Simulador de Frete
- Calcular frete
Produzido e postado no Correio em 3 dias úteis

Melhora os níveis lipídicos reduzindo o colesterol ruim, promove uma limpeza intestinal que elimina impurezas, entre elas o LDL

 

Benefícios do Psyllium

  • Proporciona um equilíbrio saudável do açúcar no sangue
  • É uma fonte rica de fibra solúvel em água que estimula a função normal do intestino
  • Pode promover a perda de peso ao atuar como um supressor de apetite
  • Reduz os níveis de colesterol total e de LDL
  • Parte essencial de qualquer programa de desintoxicação


Descrição

Reduz os níveis de colesterol e promove uma ótima digestão. Parte essencial de qualquer programa de desintoxicação; promove um equilíbrio saudável do açúcar no sangue; é uma fonte rica de fibra solúvel em água que fomenta a função normal do intestino; pode promover a perda de peso ao atuar como um supressor de apetite; eficaz para a redução dos níveis de colesterol total e de LDL ("colesterol ruim").

O que é o Psyllium e de onde vem?
A casca do psílio origina de sementes pulverizadas da planta Plantago ovata, uma erva nativa de algumas partes da Ásia, regiões mediterrâneas da Europa e África do Norte. A casca da semente do psílio é usada em remédios naturais e são similares à aveia e ao trigo.
A casca do psílio é fibra alimentar pura, composta principalmente de hemicelulose. O consumo diário de fibra pode oferecer muitos benefícios de saúde e desempenha um papel crucial na promoção da saúde do cólon.
A fibra proporciona volume, facilita a passagem e ajuda a acelerar o tempo de trânsito pelo trato digestivo. Também ajuda na absorção de glicose e pode promover níveis saudáveis de colesterol. Especialistas de saúde e nutrição estão de acordo que os adultos devem consumir de 25 a 30 gramas de fibra alimentar todos os dias para manter uma boa saúde.


Por que você deve tomar Psyllium ?

Propriedades desintoxicantes: a mucilagem gelatinosa produzida quando o psílio fica saturado com água tem a capacidade de absorver as toxinas no intestino grosso. O psílio se toma normalmente para reduzir a autotoxicidade (as toxinas são expulsas do corpo com as cascas e sementes). 

Saúde do cólon: vários estudos determinaram que as sementes de psílio aliviam a prisão de ventre, quando isto era causado por fatores do estilo de vida (por exemplo, fibra inadequada, forma de vida sedentária). A fibra contida nas cascas do psílio não é digerida no intestino delgado, pois se decompõe parcialmente no cólon, onde atua como uma fonte de alimento para a flora amigável. Tradicionalmente, a casca de psílio foi utilizada como suave laxante para prisão de ventre, atuando como uma esponja no trato intestinal, ficando inchada à medida que absorve a água e material residual nos intestinos. Isto forma uma massa macia e volumosa que passa pelo cólon com maior rapidez e é evacuada com mais suavidade e facilmente.

Transtornos digestivos: o efeito calmante e protetor proporcionado pela casca e sementes ricas em mucilagem beneficia todo o trato gastrintestinal. O psílio é tomado para as úlceras estomacais e duodenais, e para a indigestão ácida.

Colesterol: a Administração de Alimentos e Medicamentos dos EUA (FDA) aprovou o psílio para reduzir o risco de enfermidade cardiovascular com estudos recentes que confirmam a redução do risco. A questão de como funciona o psílio para reduzir o colesterol ainda está sendo investigada, mas os autores propõem que o psílio aumenta a excreção de ácidos biliares e, em segundo lugar, aumenta a excreção de colesterol do fígado.

Diabetes: a suplementação com psílio também melhorou os níveis de açúcar no sangue em algumas pessoas com diabete. Acredita-se que o componente de fibra solúvel do psílio é responsável por este efeito.

Perda de peso: para pessoas que procuram perder peso, a inclusão da fibra, sobretudo quando se comem alimentos com alto teor de gordura saturada, pode contribuir para a perda de peso de duas maneiras. A primeira tem a ver com a capacidade da fibra para se expandir no estômago, o que acelera a aparição da saciedade e portanto uma diminuição da massa calórica dos alimentos ingeridos. A segunda tem a ver com a capacidade da fibra de absorver os macronutrientes. Quando a fibra absorve moléculas de gordura, estas não se podem metabolizar e portanto passam pelo corpo. Isto significa, simplesmente, que não são armazenados como gordura corporal. Em um estudo triplo cego de "comedores sem restrição”, foi demonstrado que a ingestão de casca de psílio causa um aumento significativo da sensação subjetiva de saciedade e uma redução no consumo de gorduras e calorias. Investigadores concluíram que o psílio pode ser útil nas dietas de controle de peso.

 



Composição por cápsula: Psyllium (Plantago Ovata) - 500mg

Posologia: Ingerir até 3 cápsulas 2 vezes ao dia, antes das refeições.

Contraindicações: Em casos de cólica abdominal de origem desconhecida, constrição ou esteroide intestinal. Doses excessivas podem diminuir absorção de cálcio, ferro, zinco e cobre.

Advertências: "Se persistirem os sintomas, o médico ou farmacêutico deverá ser consultado" "Evite a automedicação. O medicamento mesmo livre de obrigação de prescrição médica merece cuidado" "As indicações postas não se tratam de propaganda, e sim de descrição do produto" "Consulte sempre um especialista" "As imagens postas são meramente ilustrativas" "As indicações dos produtos são baseadas no conhecimento científico do profissional farmacêutico e laudos de aquisição dos produtos junto aos fornecedores autorizados pela Anvisa"

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

    Confira também